domingo, maio 21, 2006

Fraternité

Sopa de pastora

Cenoura grande, 1
Nabo, 1
Aipo, 3 talos
Alhos-porros, 2
Cebola, 1
Manteiga, 1 c. de sopa
Caldo de carne, 1/2 l
Quadrados de pão frito e sal, q.b.


Cortam-se os legumes em bocadinhos e fritam-se levemente na manteiga. Junta-se um litro e meio de caldo de carne, tempera-se com sal e deixa-se ferver até estar tudo cozido. À hora de ir para a mesa deita-se na sopa uma mancheia de quadrados de pão fritos em óleo.

(O livro de Pantagruel)

Sem comentários:

Malditas praxes

Mais um ano letivo, mais uma temporada de praxes. Com trinta graus, andam com capas de lã e de collants aos berros durante horas e horas, a ...