terça-feira, dezembro 26, 2006

Paradoxo do anonimato...

... é não poder falar aqui da razão da escolha do nome, "Laurindinha". Porque, não sendo nome próprio, há necessariamente uma razão.

Sem comentários:

Malditas praxes

Mais um ano letivo, mais uma temporada de praxes. Com trinta graus, andam com capas de lã e de collants aos berros durante horas e horas, a ...