sexta-feira, fevereiro 03, 2006

Liberdade



Face a manifestações da rua muçulmana, teríamos, por acaso, de esconder os cabelos das mulheres? De deixar de praticar a usura? Que mais quereriam os fundamentalistas islâmicos impor-nos?

Os preceitos religiosos obrigam os seus praticantes, não os infiéis.

Sem comentários:

Malditas praxes

Mais um ano letivo, mais uma temporada de praxes. Com trinta graus, andam com capas de lã e de collants aos berros durante horas e horas, a ...